quinta-feira, 17 de novembro de 2016

Duas Horas da Manhã - Paulinho da Viola




video



Temos grandes poetas na música brasileira. No samba destaca-se o "Príncipe do Samba" Paulinho da Viola. Duas horas da manhã é uma belíssima canção que se casa perfeitamente com a bela poesia da letra.



Duas horas da manhã, 
Contrariado espero pelo meu amor 
Vou subindo o morro sem alegria,
Esperando que amanheça o dia
Qual será o paradeiro 
daquela que até agora não voltou? 
Eu não sei se voltará, 
ou se ela me abandonou 
A minha esperança está morrendo 
E a saudade no meu peito vai crescendo
Parece até que o coração me diz
Sem ela, eu não serei feliz...






















Filho do músico Cesar Faria, Paulinho da Viola cresceu num ambiente naturalmente musical. Na sua infância em Botafogo, bairro tradicional da zona sul do Rio de Janeiro onde nasceu em 12 de novembro de 1942, teve contado constante com a música através do pai, violonista integrante do conjunto Época de Ouro. Nos ensaios familiares do conjunto, Paulinho conheceu Jacob do Bandolim e Pixinguinha, entre muitos outros músicos que se reuniam para fazer choro e eventualmente cantar valsas e sambas de diferentes épocas...Mais informações http://www.paulinhodaviola.com.br

Postar um comentário